RSS

Pipoca com Manteiga – O Garoto de Liverpool

27 set

“John Lennon (Aaron Johnson) é um jovem que não aceita bem as regras impostas na escola e dentro de casa. Abandonado pela mãe quando tinha cinco anos, ele vive com seus tios George (David Threfall) e Mimi (Kristin Scott Thomas). Quando George morre, Lennon é obrigado a viver com Mimi, extremamente austera e sisuda. No funeral do tio ele vê sua mãe (Anne-Marie Duff), que se mantém afastada. Seu primo consegue o endereço dela, o que faz com que Lennon resolva visitá-la. O reencontro com o filho é a realização de um sonho para Julia, que passa cada vez mais seu tempo com ele. Animada e um tanto quanto inconsequente, ela apresenta ao filho o rock’n’roll. Logo, desperta nele a vontade de montar uma banda de rock”.

O filme retrata a adolescência de Lennon, dos seus 15 à 20 anos, mais ou menos. Como era sua relação com a mãe e com a tia que o criou.

Para quem não sabe John Lennon foi criado por seus tios George e Mimi porque, quando ele tinha cinco anos, foi abandonado por sua mãe. O filme tenta explicar o motivo do abandono e como isso afetou John.

Diferente do que eu havia pensado, no início, o filme não retrata a vida de John como se a sua relação com a mãe fosse feita só de brigas e espinhos enquanto a relação com Mimi era um mar de rosas; é justamente o contrário. No longa somos apresentados aos bons momentos de John com a mãe e os momentos de tensão com Mimi. Assim como os momentos de desentendimento entre Julia, mãe de John, e Mimi sobre a educação do garoto.

Mimi é extremamente rígida na educação de John, tornando-se mais rígida ainda depois da morte de seu marido, por outro lado Julia acoberta as traquinagens que John apronta ao longo da trama. Essa atitude gera um clima muito pesado entre as duas, que passam, de certa forma, a disputar a atenção do garoto.

Julia apresenta o rock n’ roll a seu filho, ensinando-o a tocar banjo e levando-o para dançar assim como fala sobre os grandes cantores de rock da época, no entanto é Mimi quem presenteia John com sua primeira guitarra, fazendo com que ele entre, de vez, no universo rock da época.

John forma uma banda com seus amigos e, numa apresentação, conhece Paul, que viria a se tornar membro da banda e grande amigo de John. Utilizando seu poder criativo, John utiliza a música para expressar seus sentimentos, tanto para com Mimi quanto para com sua mãe.

Apesar de o filme parecer interessante ele deixa um pouco a desejar. Achei que a história ficou um pouco forçada. A personalidade de John ficou a de alguém extremamente revoltado enquanto a de Paul passou a ideia de conformismo, de quem nunca pisava fora da linha.

Não gostei dessa abordagem, de querer dramatizar muito a história. Mesmo, o mundo todo sabendo, que John Lennnon nem sempre foio exemplo que se tornou, quando mais velho, não acredito que, em sua adolescência, ele tenha sido tão boçal quanto o filme tentou demonstrar. Acredito em sua personalidade difícil e ele ter sido extremamente metido a besta, mas acho que foi um pouco de exagero a imagem que tentaram passar no filme.

Paul MacCartney não é o foco, isso é obvio, mas me irritou terem colocado ele como um bundão o filme todo! Ninguém consegue ser tão certinho daquele jeito…. nem o Ned Flanders.

Eu acho que vale a pena assistir ao filme, mas ele não é a melhor coisa que já se produziu sobre Beatles ou qualquer um dos membros do grupo. É interessante ver porque ele expõe as datas, fatos… dá uma sequência lógica aos acontecimentos da vida de John porém, no filme, falta muita criatividade artística, algo que sempre foi presente na vida e carreira do garoto de Liverpool!

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em setembro 27, 2012 em Filmes

 

Tags: , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: