RSS

Marca Páginas – Sangue de Gelo de Orlando Paes Filho

20 nov

 

“Nessa emocionante aventura da coleção Angus Saga, o nórdico Seawulf Yatlansson, conhecido como Sangue de Gelo, foi escalado para uma missão de resgate perigosíssima – resgatar a filha do rei que foi sequestrada. Ele terá muitas dificuldades para enfrentar ao lado dos aliados que fez pelo caminho. Embarque nessa aventura!”

 

Acho incrível como a resenha dos livros os deixa sempre emocionantes e interessante mas acho uma puta falta de sacanagem quando a história não corresponde a essas expectativas.

Foi exatamente isso que aconteceu comigo quando eu li Sangue de Gelo, me senti extremamente frustrada. O pior de tudo é porque eu já tinha uma bagagem anterior do Orlando Paes Filho e gostei do livro que eu tinha lido antes.

Algumas coisas podem ter contribuído para o meu desprazer quando li Sangue de Gelo. Eu já estava mais velha, um senso crítico mais apurado, já havia lido muitos outros livros melhores e etc, talvez por detalhes como esses eu não tenha gostado tanto da leitura do Sangue de Gelo.

Mesmo que algumas coisas tenham me influenciado eu jamais recomendaria esse livro a uma pessoas que goste de ler que curta algo mais elaborado; isso porque a história vem toda mastigada e é um clichê meio chatinho. O herói resgata a princesa. Além disso o livro é cheio de desenhos, sério, tem mais páginas com desenho do que com texto, o que me deixou revoltada. Eu comprei um livro para LER e não para VER, entenderam o problema aqui?!

Até hoje teve, apenas, uma pessoa para quem indiquei o livro e emprestei. Para meu primo, que detesta ler, e que na época tinha oito anos. Achei que seria legal para ele, introduzi-lo nesse mundo das palavras a começar com esse livro. Envolve tudo o que ele gosta, nórdicos, batalhas, sangue etc e tem os desenhos pra que ele não se canse da leitura. Foi um fracasso, ele só viu os desenhos e me devolveu o livro =(

Foi uma das maiores decepções da minha vida; pelo menos consegui fazer ele deixar de gostar da Avril Lavigne e se tornar fã do KISS e do Metallica, foi uma vitória.

Não vou ficar falando mal do livro Sangue de Gelo e muito menos do escritor, porque, muito provavelmente quando eu li o tal livro eu já não estava mais na faixa etária que ele visava atingir. Claro que para algumas pessoas o livro, para ser bom, deve arrancar elogios desde de uma criança até de um idoso. Não discordo disso, livros, realmente bons acabam se tornando atemporais mas esse não é o nosso caso, ainda assim, acho injusto tirar o mérito do escritor.

Ele escreveu um livro bacana para um público seleto, chamamos isso de Segmentação Mercadológica (aulas de Marketing e Pesquisa de Mercado vindo a calhar), isso significa que para mim e para você, que acompanha este blog, o livro será uma bela de uma porcaria, ele não nos fara pensar e nem vai dar uma nova margem de discussão maaaaas para uma criança de uns doze anos que se acha super radical e rebelde a história contida em Sangue de Gelo pode encaixar-se como uma luva.

Esse tipo de livro, eu costumo denominar Livros Primários. A característica desse tipo de livro é você introduzir um conteúdo literário para alguém que não goste ou que não tenho tipo um contato anterior com a literatura. As histórias rápidas, ágeis e fáceis de entender farão com que a pessoa em questão comece a se interessar pela leitura. Ela perceberá que não precisou de muito esforço para entender o livro e que não foi nada maçante. Outros exemplos seriam os livros do Paulo Coelho, essa leitura de Livros Primários seria a responsável por puxar a pessoa para um campo mais amplo que é o da leitura, com o tempo, assim que já tivesse tomado gosto por ler o indivíduo poderá buscar outros tipos de livros abandonando os primários que se tornariam elementares mas de extrema importância na formação de um leitor.

Por esses motivos eu acho que não posso criticar tanto Sangue de Gelo, ele é o que eu considero leitura primária. Eu já não estava mais apta para esse tipo de livro, o que me fez achá-lo ruim mas tenho certeza que vários pré-adolescentes ao redor do mundo vão achá-lo um máximo e será o pontapé inicial para que a criança comece a se interessar por leitura.

Existem livros ruins no mundo? Claro que existem. Mas esse não é um deles, esse livro só é contra indicado para aqueles que já passaram da fase dos Livros Primários.

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em novembro 20, 2012 em Livros

 

Tags: , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: