RSS

Arquivo mensal: março 2013

Dando Notícias!

Oi povo!

Eu sei, eu sei vocês tem todo direito de reclamar que estou deixando o blog de lado, esquecendo da galera que lê e tals mas eu vou negar até a morte essa afirmação. Não estou esquecendo das pessoas que leem, o que acontece é que esta faltando umas horinhas nesses dias para poder dar mais atenção para o Caracol! Falando em caracol, vocês acreditam que aqui em Portugal a galera come caracol??? Juro! Estou pensando se devo ou não comer, acho que não vou me arriscar, na verdade. Maaaaas vamos ao que interessa, ou não, o que eu tenho feito e achado das coisas por aqui.

Nada foi como eu planejei, várias coisas não deram certo, me mudei de casa mais uma vez, agora é definitivo, eu acho, e para ajudar todo o processo começaram as aulas. – Oohw hora boa pra isso, né! (hahaha).

Para facilitar o processo de raciocínio, vamos por partes:

–       Voltei da viagem que eu tinha feito com uns amigos para as 3 capitais não UE no dia 09 – aí a coisa já complicou – deixei a minha vida feliz e pacata lá na Alemanha as 5:30h da manhã de um domingo para viajar umas 7h até a puta que o pariu Frankfurt Hahn para pegar o voo para Porto. Eu passei as sei lá quanto tempo DSCF4303de viagem cheirando a cachorro porque o Sr. Timmy Radaelli resolveu brincar com o meu cachecol uns dias antes, mas beleza, eu precisava levar o cachecol então que vá cheirando a cachorro mesmo (tenho certeza que ele fez isso por vingança por eu ter esquecido o horário da ração dele um dia enquanto o Lucas estava na aula, nos considero quitados) maaaas beleza, cheguei lá no fim do mundo fiz o check-in e tals aí quando fui entrar no avião os caras da companhia aérea não conferiram as bagagens de mão corretamente, consequência não havia espaço para todo mundo por as malas na cabine (êêêê lasquera) minha mochila de sei lá quantos quilos e sei lá que tamanho teve que viajar no meio das minhas pernas mas susse.  Cheguei em Porto, morrendo de fome, e com um único chocolate de umas 50g no bolso (só tem tu, vai tu mesmo) saí rápido do aeroporto para pegar o trem até uma estação X, me perdi, GPS indicou a direção para UMA rodoviária, eu tinha que ir na outra rodoviária. Estava chovendo e eu estava muito longe do destino, peguei um taxi e cheguei lá as 19:05h, eu tinha perdido o ônibus, o outro só saia as 20:30h ok ok, eu toca encasacada fiquei lá esperando até que chega uma menina falando português do Brasil e comecei a conversar com ela (feliz acontecimento, hoje eu divido casa com ela).

Chegamos em Coimbra lá por 21:30h fui pra casa, tomei banho, e dormir até tarde no outro dia que era pra ser o primeiro dia de aula (tenho a sorte de não ter aulas na segunda, então…)

Na verdade, eu não fui na primeira semana de aula, eu tinha que falar com a coordenadora então acabei indo como turista só pra saber como era. Ainda bem que fiz isso, desisti de umas duas matérias por não ter me dado bem com o professor e por conteúdos que eu já tinha visto.

–       Reunião com a coordenadora na quinta feira – ela se atrasou meia hora – o que foi bom pois conheci um dos meus atuais amigos na fila de espera, as vezes as coisas acontecem por uma razão. Minha coordenadora é um amorzinho, sério, adorei ela, muito atenciosa, simpática e beeem cabeça aberta conosco, intercambistas (leia-se perdidos). Depois dessa reunião é que ficou decidido o que eu faria de matérias, ela me explicou algumas das matérias que eu iria fazer etc, foi bem produtivo.

DSCF5022Ainda nessa semana eu conheci a outra menina com quem estou dividindo casa, eu já tinha uma casa, tecnicamente, mas nós decidimos que seria legal se achássemos algo para morar nós três etc. Encontramos, está sendo bem melhor do que o lugar que eu estava anteriormente, acho que mais porque aqui eu tenho companhia do que qualquer outra coisa, mas está sendo legal.
Depois da reunião com a coordenadora foi que eu comecei a frequentar as aulas, definitivamente. Algumas são legais outras nem tanto mas esta valendo a pena.

–       Agora eu já começo a ter coisas da faculdade para fazer e tudo o mais e, para ajudar, ainda tenho trabalhos da faculdade do Brasil para fazer devido a greve nas Universidades Federais; acho que dou conta de tudo mas é algo que tenho que resolver logo.

Algumas aulas aqui são muito diferentes das Universidade Brasileiras e algumas são muito iguais, na minha opinião de peixe fora d’água acho que alguns professores daqui dão muita liberdade para os alunos mas isso é só a minha opinião!

–       Uma semana depois das minhas aulas começarem meu namorado veio passar um tempo aqui em Coimbra (lol)… tadinho, teve que me ajudar a fazer a mudança para a casa nova – nós sofremos aquele dia mas valeu a pena, o quarto é mais espaçoso tem varanda para o Timmy etc etc – assim que ele chegou já marquei com uns amigos para irmos jantar numa churrascaria aqui – ele não comia carne da gado há alguns meses- gente, na boa a comida do prato dele devia estar muito mais gostosa que a minha pois comia com uma vontade. Foi legal.

Durante o tempo que ele ficou aqui começamos a assistir, nas horas de folga (leia-se a noite) uma série chamada Breaking Bad e, véi, é muito boa! Não vejo a hora do Lucas voltar para terminarmos a série.

–  Agora já começo a pesar as coisas aqui de outra maneira, analisar melhor o que as pessoas fazem, DSCF5044perceber os costumes o que é normal aqui, ou não… acho que estou aprendendo a me virar bem aqui por Coimbra.

Como eu estava na Alemanha, antes de vir para cá, posso arriscar algumas comparações.

No pouco tempo que estive aqui deu pra notar que viver em Portugal é muito mais barato que viver em outro local da Europa, o aluguel aqui não e tão caro e comer aqui também é muito barato, você não gasta tanto no mercado e nem indo em restaurantes, claro, tem os lugares caros, mas é possível você comer bem por pouco, coisa que é bem complicado de acontecer nos outros lugares que tive a oportunidade de conhecer.

Apesar disso há várias coisas que são muito baratas em outros lugares e que aqui é um absurdo… mas isso acontece em todo lugar. Farão três meses que estou aqui na Europa, e, por enquanto, já teve vários altos e baixos; estou certa que essa experiência vai render boas coisas para mim mas, ainda assim, eu sinto uma pontinha de arrependimento de algumas coisas (assunto para outra hora)  e estou tentando ignorar ou mudar isso porém, só com o tempo. Buscarei aproveitar o máximo tudo o que tem para aproveitar, viagens, estudos, mostras etc etc então se alguém tiver alguma dica aí… esse é o momento.

 

Tags: , , , , , , ,

 
%d blogueiros gostam disto: